Porta-Lapsos
   
 
   



BRASIL, Sudeste, ITARARE, Planeta Cerveja, Centro Velho de Mim Mesmo, Homem, de 46 a 55 anos, Portuguese, Spanish, Arte e cultura, Livros, Sobreviver, Escrever, Resistir
 

  Histórico

Categorias
Todas as mensagens
 Link

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros sites
 Campo de Trigo Com Corvos
 Blogue Artistas de Itararé, Cidade Poema
 Outras Obras de Silas Correa Leite
 Entrevista Com Silas Correa Leite
 Veja Microconto e Poesia Pro Tomzé
 manifesto.aos.excluidos
 Jornal de Poesia, Link do Poeta Silas Correa Leite
 Poeta Silas Corrêa Leite
 Garganta da Serpente, link Silas Correa Leite
 Voe de Volta Pra Mim, Crônica Silas Correa Leite
 Outras Obras de Silas Correa Leite
 Site Releituras, Poema Para Oscar Niemeyer
 Muitos Mais Poemas Silas Correa Leite
 Texto Site Rio Total, Obra de Silas Correa Leite
 Poemas do Silas Correa Leite
 Coisas de Poeta (Silas Correa Leite)
 Silas no gazzag, Veja o link do Poeta
 SOMOS TODOS CULPADOS?
 Poema Para Tomzé Declamado Por Antonio Abujamra
 Conto Cego, Declamado por Antonio Abujamra
 Desvairados Inutensílios - Piração Letral
 Privilégio dos Caminhos, JUlia Moura LoOpes, Portugal
 Silas Correa Leite Em Espanhol




 

 
 

www.artistasdeitarare.blogspot.com/



Escrito por Silas Corrêa Leite às 12:56
[] [envie esta mensagem
] []


 

 

Poemas de Carnaval de Silas Correa Leite

 

Quebra-Queixo

Poema in Memoriam do Seu Antoninho Pipoqueiro do Tomé Teixeira

 

-Tem quebra-queixo, Seu Antoninho?

-Um tostão, guri.

Eu comprava e saía mascando dali

Depois da aula, voltando pra casa  na Rua Frei Caneca

À frente iam as filhas do Vereador Osvaldo Raposo

Que moravam na descidinha rente

E eu com o puxa-puxa entredentes

Sonhava em um dia me casar

Com uma delas...

 

-Tem geleia de groselha, Seu Antoninho?

--Um tostão, piá.

Eu saía vermelhando a boca de lá

Fazendo beiço mole com a gostosa guloseima

Depois da aula do primário no Grupo Escolar Tomé Teixeira.

 

Hoje eu passo em frente à escola

Seu Antoninho Pipoqueiro já não está lá

Nem as lindas filhas do Vereador Osvaldo Raposo

Nem quebra-queixo, pipoca, geleia ou bolinho de piruá

Só saudades é o que há...

 

Mas nessas doces memórias eu me encanto e me deixo

Meu reino da infância, meu tesouro; e o quebra-queixo

A escola Tomé Teixeira ainda permanece palácio altivo lá

E eu no puxa-puxa da história, boas lembranças pra cá

Nessa Itararé que eu amo tanto... onde canta a sabiá...

-0-

 

Poema das Filhas do Gianisela

 

Ai que saudades que eu tenho

Das lindas filhas do Gianisela!

Ele bem vendia o espumoso leite

Mas elas eram o deleite de meus sonhadores olhares com remela

 

Ele entregava o produto na leiteira

Elas sondavam o freguês na janela

Eu fitava aquela belezura brejeira

Cada polaca era chique de mais bela

 

Cresci, fui-me embora, virei homem feito

O Gianisela morreu, fecharam a leiteria

Deixei o amor platônico morrer no peito

Nem acabei direito no reino da fantasia...

 

Mas também lembro da leiteria dele no mercado

Nenhuma filha polaca bonita dele me dava trela

Hoje sou poeta já grande e sonhador desmamado

Mas a lembrar as belas filhas polacas do Gianisela

Eu, feito um Correa LEITE, Longa Vida, com sequela?

-0-

 

CARNAVAL DA SAUDADE

 

Lá vem o Turíbio Fiúza

Fantasiado para o forfé

Com seu pandeiro cheio de fitas coloridas

Com as batidas do samba no pé...

 

Lá vai o Turíbio Fiúza

No Carnaval do Clube Fronteira, um tropé

Turíbio vestindo fantasia de Mestre de Samba

sabe o ser boêmio e folião que é...

 

Vai, vai, Rei do Carnaval Turíbio Fiúza na dança

Mais o Kai Nágua, o Marquinho Carvão e o Zunir

A noite em Itararé alumbrada ainda é uma criança

A lua feito um sorriso de miss mal acabou de sair...

 

Morreu o querido Carnavalesco Mestre Turíbio Fiúza

Foi-se embora o querido boêmio Marquinho Carvão

A morte muito além de Itararé fantasiada de musa

Quer um Carnaval da Saudade noutra constelação

-0-

Silas Correa Leite, Carnaval, 2014 - E-mail: pooesilas@terra.com.br

Santa Itararé das Artes, Cidade Poema

BLOG: WWW.artistasdeitarare.blogspto.com

Poemas da Série Eram os Itarareenses Extraterrestres?

 

 

 

 



Escrito por Silas Corrêa Leite às 12:55
[] [envie esta mensagem
] []


 

 



Escrito por Silas Corrêa Leite às 12:54
[] [envie esta mensagem
] []


 

 
[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]